As respostas de Deus aos assaltos do Diabo e como o anjo Gabriel “escapuliu”

Sentado na praça, o futuro escritor Gabriel Garcia Marquez, muito jovem, carregando livros na cabeça, contou:

– Mal começávamos a vislumbrar o perfil de algumas cúpulas de igrejas e conventos na bruma do entardecer, quando saiu ao nosso encontro um vendaval de morcegos.

Suas asas zuniam como um tropel de trovões e deixavam à sua passagem uma pestilência de morte.

Surpreendido pelo pânico, soltei a maleta e me encolhi no chão com os braços na cabeça, até que uma mulher mais velha que caminhava ao meu lado gritou para mim:

– Reze A Magnífica. Ou seja: a oração secreta para esconjurar assaltos do demônio. Reze comigo. Mas com muita fé, por favor! – disse ela.

Eram as respostas de Deus.

Gabriel ou Gabo, feito anjo, repetiu os versos da oração, seguindo a velha concentrada e decidida

com uma devoção que nunca havia sentido ou voltou a sentir.

O tropel de morcegos desapareceu do céu antes que terminassem de rezar.

“Só restou então o imenso estrondo do mar nos rochedos e nos recifes”, arrematou.

O escritor e jornalista estava, naquela ocasião delicada, nas cercanias de Cartagena das Índias, Colômbia.

E escapuliu muito bem do “demo” (cruz credo). Artes de um grande escritor!

 

DSC05795

 

 

Meu mandato é da oração

Licença: se vocês me permitem!

digo que minha política é das palavras

Meu mandato é da oração

Meus eleitores desapareceram, são eleitos

Meu discurso tem o curso do rio e do riso, com águas turvas ou claras

Será que sou político? Sim, sou

Fácil não é. Precisamos tentar a cada minuto de vida. Fecha discurso.

Conclusão: reter o domínio de governo requer muito mantra

entre tantos planetas, estrelas e galáxias

Bom dia, seu grãozinho de areia!

 

DSC05875

 

 

A sociedade dos homens santos

De tanta maldade, purifiquei

De tanto julgamento, ascendi

De tanto medo, superei

Das dores, fiz alegrias

Dos obstáculos – intestinos, pés, estômago, coração, pele, cabelos, palavras-faca ou palavras-canivetes, renasci

As crianças do mundo sorriem para a célula do Conselho Universal da Rainha

cinturão do planeta

A Rainha entregou seus poderes a quem descobriu o Verdadeiro Amor

Você duvida? Volte, então, a rezar:

“De tanta maldade, purifiquei. De tanto julgamento, ascendi…”.

DSC05638

Declaração de amor nº 30

Mesmo se os planetas desaparecerem, o espaço sideral registrará o nosso amor

Letras dançando, em gravidade zero, como a suavidade das crianças

Um beijinho molhado, um dedinho na boca que pensa destinos

Ou entrando na igreja em dia de casamento: flores de encantado caminho

Nas estantes de estrelas, estarão seus bilhetes e cartões de Natal e do Dia dos Pais

Serei sempre este pai que adora você, que foi adotado por você

E que em você existe, se justifica e tem registro de pertencimento

Ao seu lado, sou referendado pelos ancestrais e por nossos descendentes

É linha do tempo que percorre milênios em vastas linhagens

A constelação do amor atravessa oceanos

Nunca nasce nem morre, não tem território ou fronteira

É Deus dentro de nós. Um beijo, minha querida!

 

Dia dos Pais 2

Dicionário: desprachego

Esta palavra me foi soprada quando ainda dormia, em plena e suave segunda-feira

Coloca lá, no seu Dicionário: desprachego

É aquela ação inominável, indescritível, mas que você tem de fazer

Nuances da nossa ignorância

Entre um verbete e outro, há uma palavra-chave que vai abrir os portais do Coração.

Desprachego! E meu coração se abre para a imensidão

um amor para além fronteiras, para depois de todos os territórios

À venda, à vista ou a prazo: nuvens em seu passamento eterno

Ah… esse doce descompromisso.

IMG_9325